Interreg IV B

  • Inovação
  • Ambiente
  • Acessibilidade
  • Desenvolvimento Urbano Sustentável
  • projetos  Sustentabilidade

    FEDER: 2308,1 milhões €
Veja a lista de projetos

Os projectos aprovados

Busca de projetos

Gestão silvícola de montes produtores de fungos silvestres comestíveis de interesse sócio-económico como fonte do desenvolvimento rural

Projecto Acrónimo: MICOSYLVA
  • Ambiente
  • Sostenibilidad
: Gestão silvícola de montes produtores de fungos silvestres comestíveis de interesse sócio-económico como fonte do desenvolvimento rural
Código SOE1/P2/E069
Beneficiário principal 1. Sociedad Pública de Medio Ambiente de Castilla y León, s.a. (ES)
Pessoa de contacto Fernando Martínez Peña  -    mostra de e-mail
E-mail marpenfe@jcyl.es
Beneficiários

2. Chambre d'agriculture des Hautes-Pyrénées (FR)
3. EPLEFPA - Etablissement public local d'enseignement et de formation professionnelle agricole (FR)
4. Chambre d'agriculture de la Dordogne (FR)
5. Centre Tecnològic Forestal de Catalunya (ES)
6. GAN. Gestión Ambiental de Navarra, S.A. (ES)
7. Asociación Forestal de Soria (Asociación de Propietarios Forestales de Soria) (ES)
8. Associação de Defesa do Património de Mértola (PT)

Duração 36 Meses
Data de Início 01/01/2009
Data de conclusão 31/12/2011
O custo total (€) 1.703.648,91 EUR
Ajuda FEDER (€) 1.277.736,68 EUR
Site do projecto http://www.micosylva.com
Resultados
  • Bases de datos / Inventarios / Mapas
  • Guías / Manuales / Herramientas de apoyo
  • Cursos de formación
  • Redes / Asociaciones
Área geográfica abrangida
Resumo do projecto

MICOSYLVA é um projecto técnico-científico, cujo objectivo é o de promover, no Espaço SUDOE, uma gestão florestal multifuncional e sustentável que integre e valorize as funções ecológicas e socioeconómicas dos Cogumelos Silvestres Comestíveis (CSC). Pretende-se que as condições de desenvolvimento dos Cogumelos Silvestres Comestíveis sejam consideradas na elaboração dos planos de gestão do meio natural no SUDOE para evitar as importantes perdas de produção e diversidade que estão a ocorrer.

Para concretizar este objectivo, o projecto visa criar uma rede de cooperação entre os distintos agentes envolvidos, quer sejam científicos ou técnicos, a fim de servir de apoio técnico aos gestores do meio no território SUDOE. O primeiro trabalho da rede será a criação de um dispositivo comum de parcelas micosilvodemonstrativas que permitirão realizar formações técnicas regionais e transnacionais dirigidas a gestores e proprietários florestais, bem como a alunos de escolas da área florestal e interessados na micosilvicultura. Para além deste dispositivo, implementar-se-á um conjunto de medidas que permitam a divulgação de informação relativa à silvicultura fúngica e a sensibilização a favor da integração da micosilvicultura na gestão florestal. Para tal, serão criados e implementados programas e ferramentas de formação a diferentes níveis, tais como formação contínua dos gestores do meio natural, formação inicial para os futuros gestores do meio e educação ambiental direccionada para os jovens. Finalmente, a rede, através de um comité científico transnacional, elaborará um manual técnico de micosilvicultura dirigido aos gestores dos ecossistemas florestais, que possa ser implementado dentro e fora do Espaço SUDOE. Este manual pretende dar a conhecer e divulgar regras de gestão florestal que tenham em conta as condições ideais de desenvolvimento tanto de árvores, como dos CSC, garantindo a sustentabilidade e multifuncionalidade das florestas do Espaço SUDOE e o seu aproveitamento, especialmente num contexto de alterações climáticas.

Los productos que elaborará el proyecto son:

- Establecimiento en el territorio SUDOE de una herramienta común de gestión forestal. Mediante los ejemplos demostrativos de 18 dispositivos experimentales establecidos en 18
ecosistemas forestales representativos del territorio SUDOE, esta herramienta permitirá explicar la selvicultura fúngica a los gestores del medio en el territorio SUDOE.
- Elaboración de un manual técnico de selvicultura fúngica que comprenda tres partes: a) las bases científicas de la selvicultura fúngica; b) la descripción ilustrada de los 18 planes de gestión correspondientes a los 18 ecosistemas forestales y c) la descripción de las normas y criterios generales de gestión transferibles al conjunto de sistemas forestales.
- Realización de un cuento de iniciación a la educación ambiental en materia micoselvícola ilustrado mediante acuarelas de ecosistemas forestales en cada idioma del proyecto y de una película documental.
- Realización de mapas de diagnóstico micoselvícola.
- Puesta en marcha de acciones formativas en cada región dirigidas a gestores y propietarios forestales; a escuelas, institutos y universidades y a profesores y dinamizadores relacionados con la educación ambiental.

Resultados do projecto: Manual de gestão e outras publicações e vídeos.

Galeria
Galeria de vídeos
Busca de projetos

projectos SUDOE

12 temas que refletem os projetos aprovados no programa de cooperação territorial SUDOE - INTEREG IV

Busca de projetos
  • Biotecnologia Biotecnologia
  • Clima Clima
  • Competitividade Competitividade
  • Colaboração universidades Colaboração universidades
  • Creatividade empresarial Creatividade empresarial
  • Energia Energia
  • Inclusão Inclusão
  • Inovação Inovação
  • Mobilidade Mobilidade
  • Sustentabilidade Sustentabilidade
  • Transferência tecnológica Transferência tecnológica
  • Turismo e património Turismo e património