Interreg IV B

  • Inovação
  • Ambiente
  • Acessibilidade
  • Desenvolvimento Urbano Sustentável
  • projetos  Inclusão

    FEDER: 7,6 milhões €
Veja a lista de projetos

Os projectos aprovados

Busca de projetos

e-RESATER

Projecto Acrónimo: e-RESATER
  • Inovação
  • Inclusión
: e-RESATER
Código SOE3/P1/F682
Beneficiário principal 1. Syndicat Mixte du Pays Couserans Direction (FR)
Pessoa de contacto Olivier Rey  -    mostra de e-mail
E-mail olivier.rey@pays-couserans.fr
Beneficiários

2. Fondation INTRAS - Centro de investigacion - Departamento de Proyectos Europeos (ES)

3. Federación Asturiana de Concejos (ES)

4. Servicio Aragones de la Salud Sector Sanitario de Barbastro (ES)

5. Fundación para el Desarrollo Social (ES)

6. Union départementale des Centres communaux d'action sociale du Gers (FR)

7. Agência de Desenvolvimento Regional do Vale do Ave - ADRAVE S.A (PT)

 

Duração 26 Meses
Data de Início 01/11/2012
Data de conclusão 31/12/2014
O custo total (€) 931.528,00 EUR
Ajuda FEDER (€) 698.646,00 EUR
Site do projecto http://vitlab.resater.eu/
Resultados Esta secção será actualizada durante a execução do projeto
Área geográfica abrangida
Resumo do projecto

e-RESATER inscreve-se claramente na continuidade do projecto SUDOE RESATER (aprovado no âmbito da primeira convocatória), que permitiu entre 2009 e 2012 desenvolver redes locais de actores da área da saúde em 6 territórios SUDOE. O primeiro projecto permitiu a partilha de experiências em e-Saúde numa plataforma transnacional para o efeito, contendo instrumentos de permuta, um observatório da saúde em zona rural SUDOE, bem como um software didáctico para criar um projecto de rede local de saúde em zona rural e os instrumentos de avaliação de projectos de e-Saúde.

O sucesso de RESATER legitimou a escolha de partir dos territórios e das suas federações locais de actores para conduzir a implementação de projectos inovadores (bottom-up). No entanto, RESATER evidenciou também os obstáculos que há que superar para garantir uma continuidade dos cuidados de saúde apoiada numa inovação aberta, contínua e financeiramente viável nos territórios rurais e isolados do SUDOE. Se por uma lado as necessidades estão identificadas e expressas em matéria de reagrupamentos de actores e de recursos às novas tecnologias de e-Saúde e de e-Inclusão nestes territórios, por outro lado, a oferta tecnológica local que permite responder a essas necessidades está muito pouco desenvolvida. É conveniente, neste caso, trabalhar, desde já, com as empresas do espaço SUDOE para as ajudar a desenvolver a sua oferta, a adequá-la às necessidades e a apoiá-la em redes de inovação com bom desempenho e interoperáveis técnica e humanamente. Alcançar esse objetivo contribuirá para melhorar a competitividade do espaço SUDOE num dos domínios económicos mais promissores em termos de serviços avançados à população. Esta é a finalidade de e-RESATER. A plataforma TIC
desenvolvida em RESATER será crucial para atingir esse fim. Servirá de base às permutas, às actividades e à comunicação de e-RESATER, permitindo assim desenvolver esse instrumento federador no conjunto dos campos da inovação sanitária e social em parceria com as empresas, os actores e as redes institucionais e de terreno.

Galeria
Busca de projetos

projectos SUDOE

12 temas que refletem os projetos aprovados no programa de cooperação territorial SUDOE - INTEREG IV

Busca de projetos
  • Biotecnologia Biotecnologia
  • Clima Clima
  • Competitividade Competitividade
  • Colaboração universidades Colaboração universidades
  • Creatividade empresarial Creatividade empresarial
  • Energia Energia
  • Inclusão Inclusão
  • Inovação Inovação
  • Mobilidade Mobilidade
  • Sustentabilidade Sustentabilidade
  • Transferência tecnológica Transferência tecnológica
  • Turismo e património Turismo e património